30 de jun de 2018

COPA 2018 CHEGA AO SEU FINAL

FRANÇA É A GRANDE CAMPEÃ. VIVE LA FRANCE 4 X 2 CROÁCIA
COPA DA RÚSSIA FOI UM SUCESSO APESAR DA ONDA DE DESCONFIANÇA

 A Copa 2018 em sua 21a edição foi um sucesso. se esperava um país fechado e mesmo hostil, segundo a propaganda dos que torciam contra e o que se viu foi uma copa muito bem organizada com um povo hospitaleiro e gentil. A grande maioria deseja conhecer o Brasil e idolatra nossos campeões. É pena que a seleção em campo não correspondeu e fez uma performance pífia, bem longe de suas tradições. O Brasil deu adeus ao hexa, Vive la France de Griezmann e Bapappé e a incrível seleção da Croácia de Modric que chegou ao jogo final. O Brasil precisa repensar tudo porque  agora só daqui a quatro anos, em 2022 no Catar.
França e Croácia chegam à grande final da Copa da Rússia com muitos méritos ao superar todos obstáculos que tiveram pela frente. A França venceu a Copa da Rússia com todas as honras, fez a melhor campanha e aliou um excepcional meio campo a uma defesa sólida e um ataque de arrancadas fulminantes. Contou também com um craque Griezmann e um craque revelação Mabappé. A Croácia chegou ao jogo final graças á tenacidade e a um esforço, por vezes sobre humano. A Copa 2018 na Rússia na opinião do presidente da FIFA Gianni Infantino foi a melhor de todas as vinte e uma edições e teve a novidade do árbitro de vídeo (VAR) que pode ter decidido a Copa. A França agora fica ao lado dos maiores de todas as copas com dois títulos, ao lado do Brasil ( 05 títulos), Alemanha e Itália (04 títulos), Argentina e Uruguai (02 títulos) e Espanha e Inglaterra (01 cada). Et vive la France até 2022 no Catar. 
 França e Bélgica fizeram um jogo que talvez tenha sido o melhor (tecnicamente) da Copa. A Croácia superou a Inglaterra em uma sofrida prorrogação e pela primeira vez disputa uma final de Copa do Mundo. Domingo a Copa da bela Rússia chaga ao seu final e vai deixar saudades. 
O futebol vem mostrar que é um fato social total que deve ser analisado de múltiplas formas. A Copa da Rússia tem sido um sucesso, transmissões televisivas e via web tem atraído bilhões de espectadores em todo o planeta e  os estádios construídos ou adaptados para a grande festa tem estado vibrantes, para contrariar as previsões fúnebres. Crianças do Alasca ao Alasca vestem a camisa de seus ídolos favoritos, entre eles nossos craques Coutinho e Neymar, mas pode surgir algum novo ídolo. Agora na fase do mata-mata vai ser como no Velho Oeste é matar ou morrer. Vamos ver quem de fato vai ficar até a grande final do dia 15 de julho onde o interesse planetário vai chegar ao ápice.
A França superou a Bélgica por 1x0 e vai para a final da Copa 2018 em Moscou. A seleção francesa conseguiu um equilíbrio entre defesa e ataque e tem alguns excelentes jogadores como Mbappé, Griszsman, Pogba e outros. 
Em um jogo sensacional a Croácia só conseguiu passar pela Rússia na disputa por pênaltis. A Rússia foi a grande surpresa da Copa, chegou totalmente desacreditada mas foi eliminando um a um inclusive a Espanha  e conseguiu levar a forte Croácia a uma decisão em penalidades máximas.  A França eliminou o Uruguai que sentiu falta de seu principal atacante Cavani e quando estava reagindo seu experiente goleiro Muslera engoliu um frango espetacular. Os "azuis" passaram para a semifinal com um jovem atacante Mbappé que tem feito atuações espetaculares.
A Rússia tem surpreendido, começou totalmente desacreditada e aos poucos vai chegando. Eliminou a poderosa Espanha, heroicamente com uma proposta altamente defensiva segurou o toque de bola espanhol e conseguiu à base de poucos contra ataques chegar à decisão por pênalti onde seu goleiro resolveu ao defender duas penalidades. A Rússia já está nas oitavas de final.
A Copa do Mundo na versão de 2018 tem sido um sucesso, pelo menos até agora. De início trinta e duas seleções em oito grupos, a metade já foi para casa e dezesseis vão em busca da taça. Alemanha uma das favoritas decepcionou e voltou para casa sofrendo uma derrota humilhante para a Coréia do Sul.
photo by alcyr cavalcanti all rights reserved

Sábado dia 30/06 começa a fase do mata-mata onde só a vitória interessa, onde os jogos podem ser decididos em apenas um único lance. A Rússia, país sede foi a grande surpresa da Copa ao aplicar uma goleada histórica na Arábia Saudita e vencer com facilidade o Egito. Na derrota para o Uruguai já classificada os russos perderam por 3x0. Agora terão de mostrar sua real capacidade ao enfrentar a Espanha uma das favoritas, mas que ainda não convenceu. 
A fase das oitavas de final começou com França 4x3 Argentina, provavelmente a despedida de um dos maiores jogadores Messi um gênio solitário em uma bando desorganizado.  Uruguai despacha  Portugal de Cristiano Ronaldo com dois gols de Cavani, que foi o nome do jogo desmontando a defesa lusa.  O tira teima prossegue domingo 01/07 com Rússia x Espanha e Dinamarca x Croácia .O drama ao som de um tango triste vai chegar ao ápice, com uma seleção desacreditada com um treinador brigado com seus jogadores o povo argentino espera um milagre de Messi.  Da outra partida ao contrário dos portenhos todos idolatram seu treinador o "velho professor" Oscar Tabarez, os uruguaios confiam na solidez de sua zaga e na genialidade de sua dupla de ataque Suarez e Cavani. 

15 de jun de 2018

BRASIL EM BUSCA DO HEXACAMPEONATO

FAZ ALGUM TEMPO QUE NÃO SOMOS O MELHOR DO MUNDO  E NOSSO SONHO DUROU POUCO, BRASIL ELIMINADO 
IMAGEM DE NEYMAR SOFRE DESGASTE COM O FIASCO DA SELEÇÃO
SELEÇÃO DECEPCIONA E NÃO PASSA PELA BÉLGICA NAS QUARTAS DE FINAL 
EM UMA ÉPOCA DE TREVAS A ALEGRIA SÓ CHEGOU ATÉ A METADE DA COPA 2018
O Brasil foi para a Copa da Rússia em busca de um sonho para amenizar um pouco da enorme descrença que se instalou no país em um dos piores períodos de sua história. Foguetes e bandeiras foram guardadas ou jogadas no lixo, foi mais uma decepção em uma era de grandes incertezas. A dura realidade é que já faz algum tempo que já não somos os melhores do planeta. Perdemos em 2006, 2010, 2014 e na última , em casa, foi um vexame para toda eternidade. A seleção saiu pela porta dos fundos, decepcionou e foi eliminada pela Bélgica em uma partida em que jogou muito mal no primeiro tempo. Reagiu no segundo mas já era tarde. Uma das grandes favoritas apresentou muitos problemas e foi envolvida mais de uma vez. As laterais pontos fortes da seleção não funcionaram bem, Daniel Alves lesionado foi cortado e Marcelo se contundiu no início da Copa e voltou contra a Bélgica muito inseguro e a defesa considerada um dos pontos fortes tem falhado sempre em cruzamentos sobre a área. Neymar, nosso craque, jogou em recuperação de uma fratura e de fato não rendeu tudo o que deveria, e ficou marcado pela encenação ao sofrer faltas, em um esporte de grande contato. Ficou conhecido mundialmente como "cai cai", motivo de piadas em todo o planeta e na prática ficou desvalorizado no mercado da bola. Vai ter de justificar os milhões de euros que recebe. O Brasil não tem aprendido com as últimas copas e tem sido eliminado por seleções teoricamente bem mais fracas. 
As camisas, bandeiras, trombetas verde amarelas que começaram com poucas vendas depois da vitória sobre a Costa Rica estão vendendo como nunca. Ambulantes se espalham por toda a cidade.
bandeiras para torcer pela seleção

No primeiro mata-mata na segunda dia 02/07 enfrentou o México e venceu por 2x0  e continua a caminhada. Foi um jogo difícil, mas com  a defesa bem plantada o Brasil neutralizou os mexicanos e marcou com Neymar e Firmino que entrou no segundo tempo. A grande figura da partida foi William que foi incansável dificultando a marcação adversária.
O Brasil conseguiu vencer a forte retranca da Costa Rica e venceu com gols de Coutinho e de Neymar já nos acréscimos. O goleiro Navaz conseguiu parar o ataque brasileiro mas só até os 45 minutos aí Philippe Coutinho em bela jogada abriu o placar. A partir daí foi só Brasil. Coutinho foi mais uma vez o melhor jogador da seleção, foi incansável durante todo o tempo apesar da marcação implacável. Neymar tem sido muito criticado por suas atuações ainda apenas regulares e principalmente por ter desabafado em um choro convulsivo ao final da partida que tem resultado em muitas críticas ao nosso craque.
foto Lucas Figueiredo divulgação CBF 

Mas em sua primeira partida os meninos de Tite decepcionaram e não foram além de um empate com a fraquinha seleção da Suiça. Ao que parece os jogadores subestimaram o adversário e não conseguiram furar a marcação imposta além de apresentarem sérias falhas na defesa e nosso craque Neymar não se recuperou inteiramente da fratura e jogou muito mal. Oa brasileiros esperavam uma atuação de gala para espantar a tristeza que assola nosso país.
A seleção brasileira vai na contramão da triste situação do país. Enquanto o Brasil amarga uma crise sem fim nossa seleção vai até Moscou como uma das favoritas, talvez pelo motivo de nossos melhores jogadores atuarem longe do país e ficarem imunes à tragédia social que se instalou há alguns anos.
A "Era Temer" que parece um castigo que não tem fim deixou a nossa população triste e desesperançada, sem rumo e descrente de um futuro melhor apesar de estarmos há poucos meses de uma nova eleição. Talvez seja este o principal motivo de uma certa frieza em relação aos nossos jogadores. Talvez um dos motivos tenha sido a tentativa de apropriação de símbolos associados à nossa pátria como a camisa amarela da seleção e a bandeira do Brasil que motivou um acirramento entre os que defendiam e os que repudiavam o impeachment da presidente Dilma Roussef. Forma-se então mais um falso dilema tão a gosto de patriotas equivocados que caem em "contos do vigário" em falsas verdades.
photo by alcyr cavalcanti all rights reserved 

 Os símbolos pátrios não serão destruídos, nossa bandeira, nossas cores serão sempre defendidas pelos que de fato pretendem um Brasil melhor. O presidente mais impopular de toda nossa história vai continuar com 0,5% de popularidade pode o Brasil se tornar hexacampeão ou ser surrado em todas as partidas. Felizmente nossa seleção não depende do apoio da presidência que ninguém apoia, a não ser um pequeno grupo palaciano.Em uma época de trevas que se instalou entre nós um pequeno sonho não faz mal a ninguém, vamos torcer pelos nossos onze e ter sempre em mente algumas artimanhas palacianas que poderão surgir durante a festa do futebol.  E Viva a seleção brasileira que esperamos traga mais alegria a todos nós.  

1 de jun de 2018

BRASIL PENTACAMPEÃO-Um olhar pelas copas do mundo

EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA FAZ UMA HOMENAGEM AOS "DEUSES DO FUTEBOL"

" Football  la bagatelle la plus sérieuse du monde"
                              Christian Bromberger 
O futebol é uma paixão planetária, um jogo, um esporte, uma religião, um negócio bilionário que pode envolver bilhões de pessoas em todos os continentes. A Federação Internacional de Futebol-FIFA tem mais filiados do que a Organização das Nações Unidas-ONU. O futebol como paixão é capaz de desencadear guerras fratricidas, mas também capaz de promover a paz.  A " Guerra do Futebol" entre Honduras e El Salvador foi desencadeada em julho de 1969 durante as eliminatórias da Copa de 1970. Foi necessária a intervenção da OEA que negociou um cessar fogo para por fim a uma guerra que parecia não ter fim que vitimou milhares.
abertura da exposição na sff 

Mas como nem tudo é violência o Brasil através da seleção pentacampeã do mundo foi levar em 2004 a "Diplomacia da Bola" até Porto Príncipe no Haiti interrompendo uma luta entre irmãos ao levar alguns momentos de alegria a um povo devastado pela guerra civil. O país parou para reverenciar os campeões do mundo.
Foto Agencia Globo/Acervo ARFOC uso proibido sem autorização

A Associação Profissional de Repórteres Fotográficos e Cinematográficos do Rio de Janeiro-ARFOC  em parceria com a Sociedade Fluminense de Fotografia-SFF vai homenagear os "deuses do futebol" em uma exposição fotográfica com imagens marcantes que vão ficar para a história. Poderemos entre diversas fotografias apreciar a magia de Pelé através das lentes de Alberto Ferreira, a alegria de 1970 através da foto emblemática de Orlando Abrunhosa ou a vitoriosa equipe dirigida por Parreira na imagem de Anibal Philot. Mas como nem tudo é festa, temos também o registro das tragédias de 1990, 1998 e da última Copa do Mundo em 2014. As fotografias fazem parte do Acervo da ARFOC efetuadas pelos nossos associados, com a curadoria de Alcyr Cavalcanti.


SERVIÇO: Abertura da Exposição dia 07/06/2018 às 19h. 
Visitação de 08/06 até 17/07/de 9h às 19h entrada franca 
Sociedade Fluminense de Fotografia Rua Dr Celestino 115 Niterói-Centro tel 26201848 

23 de mai de 2018

GREVE DOS CAMINHONEIROS PROVOCA DESABASTECIMENTO

GREVE DOS CAMINHONEIROS DERRUBA PRESIDENTE DA PETROBRAS 
BOATOS SOBRE NOVA GREVE NÃO TEM FUNDAMENTO 
RODRIGO MAIA CRITICA PEDRO PARENTE E AFIRMA QUE ELE NÃO MANDA NO CONGRESSO 
MAIORIA DA POPULAÇÃO APOIA BLOQUEIO APENAS POR SER CONTRA TEMER
A paralisação dos caminhoneiros em função da política de preços adotada pela Petrobras levou a um desabastecimento que obrigou o governo a rever uma série de medidas e como resultado o presidente da Petrobras Pedro Parente pediu demissão por não concordar com a mudança de preços imposta pelo governo. Agora depois de dez dias começam nas redes sociais boatos sobre uma nove paralisação, provavelmente sem fundamento. 
A Federação Única dos Petroleiros começou uma greve de dez dias que conseguiu afetar ainda mais  a frágil economia do país, motivada pela paralisação dos caminhoneiros que provocou desabastecimento em todo Brasil. O presidente da Câmara Rodrigo Maia fez duras críticas ao presidente da Petrobras Pedro Parente que disse ser necessário aumento de impostos para cobrir os prejuízos, para Maia Parente comete um erro e não vai haver nenhum aumento de impostos, porque Parente não manda nos deputados que estão em bloco contra qualquer aumento de impostos, que viria sacrificar ainda mais a população. A falta de credibilidade de seus ministros dificulta o acordo para por fim a um bloqueio que prejudica a todos, inclusive aos próprios caminhoneiros. O que tem conseguido uma pequena trégua é intermediação do governador Marcio França, de São Paulo, que tem sido aceito por boa parte dos caminhoneiros que rejeitam a grosseria e a inabilidade de um dos "notáveis", o ministro Carlos Marún.
 Temer e  Após sete dias de paralisação de caminhoneiros em todo o país o governo resolveu ceder e propôs mais uma trégua, agora de sessenta dias e ofereceu uma série de modificações na política de combustíveis. Já havia desabastecimento em várias cidades o que provocou uma onda de medo em toda a população. Nem todos caminhoneiros concordaram e o bloqueio continuou provocando desabastecimento em quase todo o país. O governo disse que vai usar de todos os meios para resolver a crise. O grande problema é a credibilidade dos governantes que nem sempre cumprem o que dizem. A maioria da população apoia a greve, apenas por ser contrária ao governo Temer, o mais impopular de todos os tempos, cada vez mais enfraquecido e cercado por um bando de incompetentes preocupados em salvar a própria pele.
A insensibilidade do governo Temer levou o país a uma greve que pode mergulhar o país em uma crise sem precedentes. Foi uma tragédia anunciada, que poderia ter sido evitada. Estamos diante de  um governo que reúne incompetência, falta de sensibilidade, onde seu governante supremo só se preocupa em preservar a própria pele e se manter no poder., principalmente depois de mais uma denúncia por corrupção. Doze aumentos em menos de vinte dias foi a gota d'água para que caminhoneiros em mais e vinte estados resolvessem cruzar os braços. A resposta do governo foi pífia e não adiantou. Foi um pedido de trégua de três dias pedida por Temer que desde antemão todos saberiam não seria aceita. Os caminhoneiros acharam absurda a proposta e obrigaram os "Notáveis de Temer", seu trio Padilha, Moreira , Marún, o que restou da finada tropa de choque, a procurar uma solução em uma espécie de passe de mágica.
foto  alcyr cavalcanti all rights reserved
Em um país onde tudo é feito através de estradas, através de uma política de transportes equivocada que vem desde a década de 50,   onde as ferrovias inexistem o pior teria de acontecer, o  fantasma do desabastecimento começa a aparecer, produtos começam a faltar nas prateleiras dos supermercados. Aeroportos suspendem voos por falta de combustível. O presidente da Petrobras Pedro Parente, de início, declarou ser impossível uma mudança da política de preços baseada na flutuação internacional de preços do barril de petróleo, agora em alta. Mas esqueceu de dizer que a nossa (ainda) maior empresa já vendeu a maioria de seus ativos e conseguiu sair do buraco, à custa de dilapidar seu patrimônio. Mas Parente teve de mudar o discurso e resolveu baixar os preços, e decretou baixar o diesel em 10%, nas refinarias, mas só por alguns dias. Todos perguntam: E depois como vai ficar, os aumentos vão ser diários? Óbvio que é uma situação desesperada que só vai adiar o problema, muito mais grave do que parece e que pode mergulhar o pais em um buraco negro sem fundo, onde todos seremos prejudicados.

14 de mai de 2018

COPA DO MUNDO NA RÚSSIA EM 2018

A BATALHA DA COPA COMEÇA COM 32 SELEÇÕES EM DISPUTA
AGORA SÃO DEZESSEIS SELEÇÕES EM BUSCA DO OURO
ALEMANHA CAMPEÃ DE 2014 ELIMINADA PELA CORÉIA 
MESSI FAZ GOL MANDA UMA BOLA NA TRAVE E CLASSIFICA ARGENTINA
 RÚSSIA JÁ CLASSIFICADA PARA A SEGUNDA FASE É A SENSAÇÃO 
RÚSSIA 5X0 ARÁBIA SAUDITA NA ABERTURA DA GRANDE FESTA DO FUTEBOL
Vai começar a grande festa do futebol em um país que é também um continente. Trinta e duas seleções em oito chaves vão jogar em onze estádios em várias cidades, dezesseis passam para a segunda fase e dezesseis voltam para casa eliminadas.
A seleção da Alemanha uma das favoritas decepciona e sai da copa ao perder para a fraca seleção da Coréia do Sul. Na mesma chave classificaram-se México e Suécia. Classificação sui generis foi a do Japão que se classificou mesmo com uma derrota no jogo final contra a Polônia beneficiada pelo critério de ter menos cartões do que o Senegal. 
Messi volta a ser o Messi não em toda sua plenitude, mas fez um gol, mandou bola na trave e conseguiu belas jogadas e no final Argentina se classificou. Como sempre foi um drama ao som de um tango sofrido principalmente depois de um pênalti duvidoso  a favor da Nigéria. Tem festa em Buenos Aires sem hora para terminar. A seleção da Colômbia fez exibição de gala e com exibição primorosa de James Rodrigues eliminou a cabeça de chave Polônia por 3x0. A Inglaterra mostrou sua força e massacrou a fraca seleção do Panamá por 6x1.  A seleção da Alemanha mostrou sua força e com um jogador a menos bateu a Suécia no último segundo da prorrogação com um gol de Tony Krooss. A seleção Argentina uma das favoritas decepcionou e seu melhor jogador nada pode fazer em uma equipe medíocre. Não foi a Copa de Messi que nada pode fazer cercado por jogadores que pareciam anestesiados. Adiós Messi adiós Argentina. Para dar um fio tênue de esperança para os hermanos a Nigéria bateu a Islândia por dois a zero.  
 A seleção da Rússia é a sensação da Copa chegou desacreditada e vai eliminando seus adversários com um futebol coletivo espetacular. Não só o local do jogo, São Petersburgo está em festa após os 3x1 no Egito, mas toda o imenso país. Vai ser uma comemoração sem fim regada a muita vodka. Uruguai venceu Arábia Saudita com um gol de Luiz Suarez e passa para a segunda fase junto com a Rússia.
A Rússia até agora tem sido a grande sensação da Copa, para alegria de um imenso país enquanto os favoritos decepcionaram, Brasil. Alemanha, Espanha e  Argentina frustraram seus torcedores e tiveram exibições medíocres. Argentina decepcionou e não conseguiu ir além de um empate com a Islândia. Os  'homens do gelo conseguiram neutralizar as investidas de Messi que mais uma vez jogou praticamente sozinho. Portugal e Espanha fizeram um grande jogo, talvez seja um dos melhores da Copa. Portugal conseguiu um empate graças à genialidade de Cristiano Ronaldo que fez três gols embora a Espanha tenha dominado a maior parte da partida. Rússia o país sede aplicou uma goleada histórica na Arábia Saudita por 5x0 e deixou a Praça Vermelha em uma festa sem igual. Uruguai conseguiu uma vitória apertada contra o Egito.
A seleção da Rússia está na chave A e tem como adversários nesta fase o Egito e Uruguai. 
O Brasil considerado um dos favoritos na Era Tite vai dar tudo para acabar com a péssima impressão causada após o massacre alemão na Copa 2104. A Rússia país sede vai fazer a abertura do torneio enfrentando a Arábia Saudita. 
Brasil realizou seu último teste em jogo contra Áustria em Viena. O técnico Tite vai experimentar três atacantes William, Neymar e Gabriel Jesus para romper os fortes bloqueios defensivos que vai enfrentar. Phillipe Coutinho um meia atacante vem de trás e chuta muito bem para compor um quarteto bem ofensivo que pode trazer muitas alegrias aos torcedores. O teste foi positivo e a seleção fez 3x0 contra uma equipe que só conseguiu neutralizar o Brasil no primeiro tempo e depois foi massacrada. Coutinho, Gabriel Jesus e Neymar fizeram os três gols e a defesa continua invicta. 
Problemas políticos começam a influenciar a Copa 2018. A seleção da Argentina cancelou o jogo amistoso contra Israel em Jerusalém atendendo a pedidos dos Palestinos que vem protestando seguidamente em todos os treinos. Inclusive teria acontecido ameaças a Lionel Messi, caso a seleção fosse a Israel. A situação conflitiva entre Israel e a Palestina que aumentou há semanas atrás foi o motivo. 
 O técnico Tite escolheu no auditório da CBF na Barra da Tijuca, os vinte e três jogadores que vão defender a seleção brasileira de futebol na Copa do Mundo 2018 na Rússia Dezessete dos vinte e três jogadores  se  apresentaram no dia 21/05 para exames médicos e treinam até dia 27/05 na Granja Comary em Teresópolis.  A seleção está em Londres realizando preparativos no campo do Tottenham  para um jogo treino com a Croácia antes de embarcar para Moscou. 
A seleção vai jogar sem um de seus titulares absolutos, Daniel Alves, que se contundiu pelo Paris Saint Germain no campeonato francês há poucos dias. Lutam pela vaga Danilo do Manchester City e Fagner do Corinthians. Outra incerteza é a condição física de Neymar, que teve uma fratura no pé há uns meses atrás, foi operado e só agora está voltando aos treinamentos. O Brasil é o único país que já participou de todas as edições do campeonato mundial e o único penta campeão. Os 23 convocados são Allison, Ederson e Cássio, goleiros,os laterais Danilo, Fagner,Felipe Luis e Marcelo, zagueiros Geromel, Miranda, Thiago Silva e Marquinhos. Meio campistas Casemiro, Fernandinho, Paulinho, Renato Augusto, Coutinho, Fred, William. Atacantes Neymar, Douglas Costa, Gabriel Jesus, Firmino e Taison.
foto Alcyr Cavalcanti all rights reserved uso proibido sem autorização

 Após um início muito ruim nas eliminatória, o treinador foi trocado e o técnico Tite tem feito uma boa campanha ao se classificar em primeiro lugar e com duas rodadas de antecipação. Todos esperam que a seleção possa trazer muita alegria e apagar de vez o fantasma dos 7x1, uma vergonha nacional que todos querem esquecer. Tite tem treinado com opções no ataque e meio campo se o craque da seleção e também considerado o melhor jogador do campeonato francês Neymar não estiver totalmente recuperado, mas os 205 milhões de torcedores esperam que ele volte a brilhar. A ausência de Daniel Alves pode ser um complicador, a seleção usa os laterais não só como defensores, mas como autênticos ponteiros e não sabemos se Danilo e Fagner irão compensar a falta do titular. O craque francês Michel Platini confessou à Radio France Bleu que houve manipulação na escolha das chaves para que Brasil e França só se enfrentassem na partida final da Copa de 1998. Para Platini o jogo final teria de ser entre as duas seleções e qualquer um faria a mesma coisa. 

30 de abr de 2018

NO DIA DO TRABALHADOR PROTESTOS EM VEZ DE FESTA

TRABALHADORES NÃO TEM NADA PARA COMEMORAR COM MINGUADOS R$ 954
TEMER SAI HOSTILIZADO E PROTEGIDO POR ESCUDO 
Na "Era Temer" os trabalhadores não tem nada para comemorar, o Primeiro de Maio não vai ser um motivo de festa. O presidente foi hostilizado, quase foi agredido e teve de sair às pressas protegido pelos seguranças quando da visita ao prédio que desabou no centro de São Paulo. Com o salário mínimo de R$ 954,00 que continua minguado e cada vez mais distante da realidade, o único direito que sobrou para o trabalhador é protestar.  O tradicional pronunciamento que os chefes de nação fazem aos trabalhadores foi antecipado pelo atual presidente que fez um discurso em que destaca seus hipotéticos feitos, palavras vazias que talvez só ele e seu grupo palaciano acreditem.
As leis trabalhistas que seriam uma barreira de proteção estão sendo desfeitas aos poucos. A relação capital/trabalho continua cada vez mais conflituosa com o desmantelamento das centrais sindicais, seja pela cooptação, seja pelo desencanto em uma luta às vezes inglória. Com um Congresso quase todo preocupado em salvar a própria pele e preservar suas vantagens os que efetivamente trabalham ficam á mercê da própria sorte onde prevalece a velha "Lei de Muricy" onde cada um trata de si. A maior parte dos sindicatos abandonou seus filiados à própria sorte ao esquecer que eles foram construídos pelo suor e muito sangue daqueles que formaram seus alicerces. O país amarga a triste estatística de mais de 15 milhões de desempregados, um imenso "exército de reserva" à espera de um trabalho que talvez jamais venha a conseguir. Filas quilométricas ocupam quarteirões inteiros onde milhares tentam preencher duas a três vagas.  Enquanto isso o narcotráfico e a venda de mercadorias contrabandeadas ou furtadas arregimenta um número cada vez maior de ambulantes na luta pela sobrevivência.
O governo Temer acabou, está totalmente sem credibilidade qual um morto vivo se arrastando pelas sombras. Milhões de brasileiros repudiam as famigeradas reformas que para ele seriam o ponto de honra, mas que em realidade com sua "tropa de choque" fugindo em debandada mergulha o país em uma época de incerteza. Temer marca e desmarca viagens ao exterior onde é recebido com desconfiança. Todos sabem que ele continua um provisório em um mandato tampão. Ninguém sabe o que virá quando Maio acabar. A cultura do descrédito passa a ser dominante, afinal acreditar em que e em quem numa salada de dezenas de partidos com pouca ou nenhuma ideologia ?

foto Alcyr Cavalcanti all rights reserved


22 de abr de 2018

NELSON PEREIRA DOS SANTOS

NELSON TORNOU POSSÍVEL O SONHO DE UM CINEMA BRASILEIRO
outubro de 1928/ abril de 2018

"Quem tem mais razão para brigar, tem mais razão para vencer"
                             Nelson Pereira dos Santos.  Rio 40 graus

Nelson Pereira dos Santos foi um humanista, sempre procurou realizar seu ofício como uma forma de fazer do Brasil um país melhor, de fazer de seu planeta um mundo melhor. Paulista, mas carioca de coração foi quando jovem formado nos quadros do PCB, assim como muitos intelectuais de sua época. A querida jornalista Helena Salém escreveu um livro sobre Nelson com o subtítulo "O Sonho Possível do Cinema Brasileiro", uma obra imperdível para quem deseja conhecer as dificuldades no processo de criação do cinema brasileiro.
Ana Magalhães velório  de nelson pereira foto alcyr cavalcanti all rights reserved

Nascido em outubro de 1928, partiu agora, em abril de 2018, com a aura da imortalidade conferida aos escritores, pela sua capacidade de sua clara linguagem através de imagens foi convidado para ocupar a cadeira de Castro Alves na Academia Brasileira de Letras-ABL.  Nelson desde menino era um devorador de livros, o que acabou por conduzi-lo a um grupo de estudantes do Partido Comunista, foi quando conheceu Laurita Sant'Anna com quem se casou e teve filhos. 
photo by alcyr cavalcanti all rights reserved 


Era a época de Prestes, Jorge Amado, Alvaro Moreyra, Portinari, Niemeyer e muitos outros intelectuais e Nelson entra para a Faculdade de Direito. Em 1948 ingressa no curso de Sociologia e Política que cursaria durante um tempo, mas sua atração pelas telas o levam ao cinema e sua inclinação pela literatura o levam ao jornalismo. São Paulo fervia culturalmente e a sua sólida formação cultural se deve à influência dos intelectuais desta época.  
O começo de Nelson no cinema se deve á sua amizade com Rodolfo Nanni que fez curso de cinema em Paris, quando passou uns anos na França.  Passa a sofrer forte influência do cineasta Joris Ivens que era considerado um dos melhores documentaristas do mundo que procurava expressar em seus filmes a "luta dos homens por um mundo melhor". Nelson volta para o Brasil e passa a se reunir com companheiros do Partido, Mario Gruber, Ruy Santos, Artur Neves e formam uma biblioteca de livros marxistas. 
Na época São Paulo procura fazer um cinema de moldes hollywoodianos e começa a Vera Cruz, mas Nelson e seu grupo sob a influência do neo realismo italiano pensam em um cinema voltado para os problemas do cotidiano dos desfavorecidos,e vem seu primeiro grande filme "Rio 40 Graus"(1956 ) e seu primeiro problema com a censura. Para Nelson "o cinema tinha que mostrar a realidade e encontrar uma solução para o futuro". A ideia de fazer um filme "do povo" não foi muito simpática ao núcleo dirigente do Partido mas mesmo assim resolveu ir adiante. Reuniam-se em pequeno apartamento (uma célula) por meio de um amigo e companheiro de Partido, Frank Justo Acker. na Praça Cruz Vermelha e corriam atrás do dinheiro. Conseguiu para a fotografia o melhor de sua época, Hélio Silva que conseguiu uma câmera profissional emprestada por Humberto Mauro e a trilha sonora por Zé Kéti que depois ficaria famosa principalmente "A Voz do Morro". O filme desagradou a censura que tentou impedir de todas as formas e "porque na cidade nunca se fazia 40 graus e a temperatura girava em torno dos 30 graus, outra pérola do censor foi considerar o filme um sacrilégio ao colocar a imagem do Cristo Redentor com o fundo musical do Zé Kéti quando diz "Eu sou o rei dos terreiros". A primeira exibição do filme organizada por Alex Viany e José Carlos Burle foi para um público que lotou o auditório da ABI. Começaram a surgir manifestos contra a proibição, não só no Brasil mas também no exterior principalmente por um grupo de intelectuais franceses. Em 1956 depois da liberação o filme foi lançado em várias capitais com muito sucesso. Nelson parte para Paris para um Encontro de Cinema promovido pelo Partido Comunista Francês, onde faz amizade com Pierre Kast e Cesare Zavattini.  Divergências com a direção  do PCB o levaram a relação dúbia, onde ele nem sai nem permanece e confirma em conversas com Helena Salém "eu de fato nunca saí, mas também nunca fiquei". Mas suas ideias socialistas na construção de um mundo menos desigual permanecem. 
A partir de seu primeiro filme como diretor e da superação das dificuldades vieram muitos outros como Rio Zona Norte, Boca de Ouro e seu maior sucesso Vidas Secas premiado no Festival de Cannes pelo OCIC Office Catholique de Cinema. Depois vieram Como era Gostoso meu Francês, O Amuleto de Ogum, Memórias do Cárcere  e seu último filme sobre o compositor Tom Jobim. 
A perda de Nelson foi enorme não só para o cinema brasileiro, mas principalmente para o cinema mundial. Conheci Nelson durante as filmagens do "Como era Gostoso" em 1970 em Paraty e nas filmagens em Mamcucaba onde fizeram uma aldeia onde o "francês" Arduíno Colassanti iria ser canibalizado sob os cuidados da bela nativa Ana Maria Magalhães. Tive algumas facilidades ( e também dificuldades) para acompanhar as filmagens dos nativos "ao natural", como vieram ao mundo, havia uma recomendação, não uma proibição de não fazer fotografias, mas devido a muita argumentação e a interseção do assistente de direção, meu amigo Carlos Alberto Camuyrano e de um pedido de um de seus filhos Nelsinho, pude registrar algumas cenas. O problema dos índios e índias totalmente pelados deu muitos problemas , uma pessoa indignada pensava que fosse uma bacanal e chamou a policia e todos os pelados tiveram de se explicar na delegacia, um verdadeiro horror. 
Nelson partiu mas deixou um legado para todos os brasileiros que sonham com um Brasil melhor, com um mundo mais justo. 

obras do pac

obras do pac
inicio de obras ao lado do ciep ayrton senna