24 de jul de 2015

PETROLEIROS ESTÃO EM GREVE

ONZE REFINARIAS ESTÃO PARALISADAS E PRODUÇÃO DESPENCA
CAMINHONEIROS FECHAM  ESTRADAS EM 12 ESTADOS
OBRAS NO COMPERJ ESTÃO PARALISADAS

Onze refinarias cruzaram os braços e petroleiros em greve podem provocar desabastecimento de combustível. Caminhoneiros em todo o Brasil ameaçam abastecimento com greve nas estradas em doze estados, inclusive na Dutra, uma das vias mais importantes do país.  A última obra em atividade do COMPERJ em Itaboraí   formada  pelo Consórcio Tecna e  Queirós Galvão foi suspensa com alegação de prejuízos financeiros . A decisão resultou na demissão de mais de 800 operários.  A greve dos  petroleiros deve atingir as unidades operacionais e administrativas da empresa em todo o Brasil. A Federação Única de Petroleiros estuda uma greve geral contra a venda dos ativos da empresa, que vai causar mais demissões e provocar uma desvalorização da Petrobras. A categoria decidiu pela greve devido ao descaso da diretoria da empresa em relação ás reivindicações dos trabalhadores.
A Petrobras possui uma das maiores reservas de petróleo do mundo, com mais de 16 bilhões de barris, e a descoberta da camada do pré-sal vai possibilitar a exploração de uma fonte quase inesgotável de combustível. A greve começou no final de semana  é o inicio de uma verdadeira batalha que visa primordialmente barrar o projeto de lei 131/2015 de autoria do senador José Serra/PSDB com apoio de parlamentares da base aliada. Esta havendo segundo funcionários da Petrobras um verdadeiro desmonte da empresa que pretende colocar à venda U$57 bilhões em ativos, e ao mesmo tempo cortar mais de U$ 89 bilhões em investimentos, o que seria altamente prejudicial a toda economia do país, que está á beira de um processo de recessão.  Segundo a Federação Única dos Petroleiros-FUP haverá um grande protesto em Brasília  para que seja barrado o processo de entrega de nossas riquezas ao capital transnacional.
Postar um comentário

obras do pac

obras do pac
inicio de obras ao lado do ciep ayrton senna