30 de dez de 2016

EMBAIXADOR DA GRÉCIA FOI ASSASSINADO EM NOVA IGUAÇU

 EMBAIXATRIZ E UM PM SEU AMANTE EXECUTARAM EMBAIXADOR
MORTE DE DIPLOMATA NA BAIXADA FLUMINENSE PIORA A IMAGEM DO BRASIL COMO PAIS CORDIAL E HOSPITALEIRO
DIPLOMATA ERA APAIXONADO PELO RIO DE JANEIRO  ONDE HAVIA SIDO CONSUL DE 2.000 A 2004
 Para coroar a sucessão de infortúnios de um ano que custa a terminar, o Embaixador da Grécia Kyriakos Amiridis que havia desaparecido há quatro dias em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, foi de fato assassinado a mando de sua mulher, a embaixatriz  Françoise Amiridis. A policia localizou embaixo de um viaduto um carro totalmente queimado com um corpo incinerado em seu interior. O veículo tinha a mesma placa de um automóvel alugado pelo embaixador para passear pela cidade. O delegado que cuida do caso após intensa investigação verificou que foi crime passional, um policial militar confessou ser  amante da embaixatriz Françoise, matou o diplomata e incinerou seu corpo. O PM Sergio Gomes Moreira de 29 anos  confessou o crime e disse ter relacionamento íntimo com a embaixatriz..
foto Alcyr Cavalcanti all rights reserved
 O diplomata passava férias no Rio de Janeiro e costumava se dirigir até Nova Iguaçu para visitar parentes de sua esposa Françoise Amiridis, brasileira que tinha vários parentes na Baixada Fluminense.  A policia confirmou que o corpo carbonizado era do diplomata e pediu a prisão da mulher do embaixador Françoise, do PM Sergio Gomes lotado na UPP do Morro do Fallet e mais dois envolvidos. O crime teve repercussão internacional, sendo noticia extremamente negativa sobre o Brasil, em especial sobre o Rio e Grande Rio onde os índices de violência crescem assustadoramente em uma verdadeira "Guerra do Rio" na disputa de territórios entre milicianos e narcotraficantes, onde a imensa população vive acuada e desprotegida.  
Postar um comentário

obras do pac

obras do pac
inicio de obras ao lado do ciep ayrton senna